Blog

Os melhores suplementos para Ciclismo de endurance
Nutrição

26 Abril 2021

Os melhores suplementos para Ciclismo de endurance

Os melhores suplementos para Ciclismo de endurance

O ciclismo de estrada e o BTT são exemplos de exercícios de longa duração (endurance), cujo treino tem características específicas e por isso é importante que conheças os suplementos certos a tomar.


Vamos responder às tuas dúvidas mais frequentes: "Que suplementos devo tomar? Em que horários? Com que frequência?"

 

A prática desportiva prolongada, onde treinos e provas apresentam longas durações e percursos de variados graus de dificuldade e intensidade, faz do ciclismo um desporto de grande exigência física, o que requer atenção especial em relação à nutrição e suplementação.

 

O desgaste energético e de hidratação são condições comuns nesta prática. O glicogénio, armazenado no músculo, está em constante declínio e aqui a nutrição tem um papel fundamental na rápida reposição deste componente e na performance do atleta.

 

Dicas para Exercícios de Longa Duração (maiores que 1h30 min)

 

Antes do treino

O consumo de hidratos de carbono de baixo índice glicémico, para a libertação constante de energia, evita que os stocks de glicogénio se esgotem rapidamente.

Neste caso, o WaxyMaize pode ser uma boa ajuda!



>> Clica aqui: PROMOÇÕES DE HOJE <<

 


Durante o treino

É importante que haja um consumo regular de hidratos de carbono, que forneçam energia rapidamente, a cada 40-60 minutos – cerca de 30 a 60g de hidratos de carbono por hora de esforço - para a manutenção do desempenho físico.

Aqui uma sugestão passa por usar Gel energético com cafeína(se bem tolerada a cafeína por parte do atleta)Maltodextrina e os BCAAs. Os BCAAs têm uma ação insulinotrópica, o que vai favorecer a entrada de glicose e aminoácidos nas células, acelerando o processo de reposição.

 

Após o exercício

O consumo de hidratos de carbono de alto índice glicémico favorece a reposição dos stocks energéticos (para síntese de glicogénio). Um Recuperador Pós-treino será sempre uma boa opção.


A Glutamina - um aminoácido que reforça o sistema imunológico, cuja debilidade é frequente em pessoas com treinos de longa duração e exaustivos - deve ser utilizada diariamente por estes atletas, cerca de 5g/dia, ou pelo menos em períodos de treinos mais exigentes e/ou de maior intensidade.



Por Joana Correia, Nutricionista


>> Este artigo foi útil para ti? Subscreve a newsletter. É grátis. CLICA AQUI  <<